sexta-feira, 30 de abril de 2010

Você Aprende...

Com o tempo você aprende...
Aprende que nem sempre seu chão é a base mais sólida do mundo, existem abalos sísmicos, sabia?
Você aprende que seus melhores amigos nem sempre são os melhores, humanos erram.
Você aprende que agradecer é necessário, não somos escravos nem tão pouco superiores a ninguém.
Você aprende que confiar nos outros não é o certo, confie em você.
Você aprende a se erguer sozinho, somente uma vez na vida te ajudarão a caminhar e isso é por volta dos seus 12 meses de idade.
Você aprende que nem tudo que lhe dizem com convicção é o correto, o mais sábio dos professores já errou.
Você aprende que o tempo cura qualquer dor, qualquer ferida e que esse mesmo tempo que cura, trás de volta.
Você aprende a enxergar, a aceitar e admitir seus erros, aprende a ser alguém.
Um dia você aprende que agir por impulso pode ser lindo e ao mesmo tempo uma tolice absurda.
Você aprende que assumir riscos é necessário, mas causá-los é idiotice.
Aprende a ser o que é e não o dizem.
Um dia você aprende a se olhar no espelho e adorar o que vê, você conhece o que é auto-estima.
Você aprende que assim como a lua, nós seres humanos temos nossas 'fases', e aprende principalmente a conviver com elas.
Você aprende que as mudanças são necessárias, mesmo que não se acustume, você aprende.
Você aprende que não existe só um caminho, você pode trilhar por onde quiser e onde seus pés aguentarem pisar.
Você aprende que há outros peixes no mar, ou você acredita que seu peixinho dourado vai viver a vida toda no seu lindo aquário?
Você aprende que amar é mais que dizer 'eu te amo', aprende que amar é ver no outro o que falta em você.
Aprende que sonhar é necessário, mas somente sonhar é dormir no ponto.
Aprende que se limitar por medo é o pior erro.
Aprende a se apaixonar de outras formas, paixão não é só amar alguém.
Aprende que tudo o que lhe dizem na televisão é futilidade e encontra em livros as respostas certas, essas resposta escritas e pensadas antes de serem simplesmente anunciadas em um programinha meia boca.
Aprende que apontar o dedo pros outros é bem mais fácil, mas nunca aprende a ter um dedo apontado em seu próprio nariz.
Aprende que as 'diferenças' que a sociedade prega são os principais motivos das guerras que a própria sociedade tanto teme.
Aprende que crer em outro Deus, gostar de alguém do mesmo sexo, ter a pele negra são somente 'rótulos' que os tolos buscam pra apontar aos outros antes de olhar a si mesmo.
Aprende que é fácil falar do fulano, estar no lugar dele deve ser mais cruel, não acha?
Aprende que amanhã esse mesmo 'fulano' é você mesmo.
Quando você se olhar no espelho tente fixar seu próprio olhar nos seus olhos, e aí sim você pode aprender e saber o que eu tanto insisto em dizer.
Se doer saber a verdade, aprenda que as maiores verdades as vezes doem e machucam, mas sejamos francos, você preferia ser feliz e se enganado com a mentira? Não diga que sim, não seja hipócrita. Aliás, com o tempo você aprende que com mentiras você pode enganar qualquer um, mas você não engana você mesmo.
Um dia a gente aprende que tudo que lemos num blog é escrito por alguém que tenta se livrar um terço de suas frustrações.
Um dia você aprende que parar para ler esses desabafos pessoais podem acrescentar muito.
Um dia NÓS aprenderemos a nos tornar pessoas melhores.


Nenhum comentário:

Postar um comentário